Linhas de Pesquisa

O Grupo de Pesquisa Teoria Crítica e Educação está constituído pelas Linhas de Pesquisas:

Teoria Crítica e Currículo

A teoria crítica da educação de Adorno e sua apropriação para análise das questões atuais sobre currículo e práticas escolares (PUC-Minas).

Resumo:
A pesquisa objetiva discutir o potencial da Teoria Crítica, em especial em Adorno, na Sociologia da Educação e suas possibilidades para a análise de questões atuais na escola e nos processos de socialização, sobretudo em relação ao currículo d práticas escolares. Procurará evidenciar a propriedade da epistemologia de Adorno para crítica das relações sociais para o desenvolvimento da lógica social que determina o funcionamento da escola, os resultados e os sentidos da escolarização.

Palavras-chave:
Educação e Emancipação; Sociologia da Educação; Teoria Crítica e Educação; Theodor Adorno e a Educação.

Participantes:
Pesquisadoras:
Dra. Rita Amelia Teixeira Vilela
Mestre Ludmila Alessandra de Carvalho Gomes
Dra. Magali dos Reis
Estudantes:
Edna Gomes Roriz
Mestre Kátia Aparecida de Souza e Silva
Gabrielle Alves Chagas

Estética, Mídia, Educação

Estética, mídia e educação contemporânea (UEM)

Objetivo:
 Esta linha investiga as apropriações ideológicas da estética veiculadas pela mídia como processo de formação social. Objetiva compreender a manipulação estética conseqüente dos mecanismos da indústria cultural e a sua interferência nos processos educacionais da sociedade contemporânea. Linha de Pesquisa em formação no Pós-graduação em Educação da Universidade Estadual de Maringá.

Palavras-chave:
Estética; Indústria Cultural; manipulação; Mídia.

Pesquisador:
Dr. Luiz Hermenegildo Fabiano

Indústria Cultural, Semiformação

Indústria Cultural, Semicultura e Educação (UFSCar/UNIMEP)

Objetivo:
 Fundamentada nas contribuições de pensadores das chamada Teoria Crítica (Theodor W. Adorno, Max Horkheimer, Herbert Marcuse e Walter Benjamin), esta linha de pesquisa tem como principal objetivo investigar a forma como o desenvolvimento tecnológico do capitalismo contemporâneo determina modificações no processo formativo dos agentes educacionais, sobretudo no que concerne à relação entre a teoria e a prática pedagógicas.

Palavras-chave:
Educação pela ironia; Indústria Cultural; Semicultura; semiformação; Tecnologia; Teoria crítica.

Participantes:
Pesquisadores:
Dr. Antonio Alvaro Soares Zuin
Dr. Belarmino Cesar Guimarães da Costa
Estudante:
Mestre Juliana Baiochi

Tecnologia, Cultura e Formação

Teoria Crítica Tecnologia, Cultura e Formação  (UNESP-Araraquara)

Objetivo:
Investigar os modos de reação da produção literária ante a modernização social e a indústria cultural

Palavras-chave:
Indústria Cultural; Literatura; Resistência;

Resultados Obtidos:
Realização do VIII Congresso Internacional de Teoria Crítica: desafios  na era digital – 2012

Pesquisadores:
Dr. Renato Bueno Franco
Dr. Luiz Antonio Calmon Nabuco Lastória

Pesquisador Associado:
Mateu Cabot

Estudantes:
Juliana Duci
Guiliana Sorbara
Elaine Santos
Larissa Quachio Costa

Tecnologia, Estética, Formação

Novas Tecnologias de Comunicação, Estética e Formação Cultural (UNIMEP)

Objetivo:
 Investigar os desdobramentos éticos e estéticos das novas tecnologias de comunicação, tendo como contexto a dimensão da mediação dos aparatos tecnológicos no campo da sensibilidade e da inteligência. Busca ainda refletir sobre as condições atuais do sistema de produção industrial da cultura e seus impactos na formação cultural e nos processos educativos, a partir das contribuições de pensadores da Teoria Crítica, em especial Theodor Adorno, Max Horkheimer, Walter Benjamin e Herbert Marcuse.

Palavras-chave:
Comunicação; Tecnologia; Estética; Teoria Crítica

Pesquisadores:
Dr. Belarmino Cesar Guimarães da Costa
Dra. Christine Barbosa Betty
Estudante:
Mestre João Carlos Goia

Tecnologia e Formação

Novas Tecnologias, Teoria Crítica e Formação (UNIMEP, UFSCar, UNESP-Araraquara, UFSC e UFES)

Objetivo:
Análise dos impactos das novas tecnologias da Informação e da Comunicação (TIC) na Educação Presencial e na Educação a Distância (EAD,) à luz dos teóricos clássicos frankfurtianos (Adorno, Benjamin, Horkheimer e Marcuse) em diálogo com pensadores e autores contemporâneos, que debatem a problemática das TIC e de suas implicações na formação dos discentes (as TIC no ensino presencial) e dos docentes para o Ensino Básico (as TIC na EAD).

Palavras-chave:
Comunicação e Indústria cultural; Tecnologia e educação; Tecnologia, estética e formação; Tecnologia, ética e formação; Teoria Crítica e Educação.

Pesquisadores:
Dr. Alexandre Fernandez Vaz
Dr. Antonio Alvaro Soares Zuin
Dr. Belarmino Cesar Guimarães da Costa
Dr. Bruno Pucci
Dr. Luiz Antonio Calmon Nabuco Lastória
Dr. Renato Bueno Franco
Dr. Robson Loureiro
Dra. Luzia Batista de Oliveira Silva
Dra. Christine Barbosa Betty
Dra Mara Yáskara Nogueira Paiva Cardoso

Estudantes:
Ana Carolina Kastein Barcellos
Moacir de Goes
Simone de Paula Teodoro Moreira
Milton Pimentel Martins
Claudinei Zagui Pareschi
Hugo Gimenes de Lima
Amália Ranaldo Chiaradia
Thiago Antunes Souza

Teoria Crítica e Educação

Teoria Crítica e Educação (UNIMEP, UFSCar, UNESP-Araraquara,UNICAMP, UFSC, UFES, UEM e PUC-Minas)

Objetivo:
 Buscar nos pensadores frankfurtianos da 1ª geração subsídios teórico-metodológicos para se pensar a educação na contemporaneidade. Eixos da pesquisa: 1. Teoria e Práxis Educacional; 2. potencialidade pedagógica da Teoria Crítica.

Palavras-chave:
Estética e Educação; Indústria Cultural e Educação; Novas Tecnologias e Educação; Teoria Crítica e Educação; Teoria Crítica, Literatura e Educação; Teoria Crítica, Psicanálise e Educação.

Participantes:
Pesquisadores:
Dr. Alexandre Fernandez Vaz
Dr. Antonio Alvaro Soares Zuin
Dr. Belarmino Cesar Guimarães da Costa
Dr. Bruno Pucci
Dr. Fabio Akcelrud Durão
Dr. Luiz Antonio Calmon Nabuco Lastória
Dr. Luiz Hermenegildo Fabiano
Dr. Luiz Roberto Gomes
Dra. Luzia Batista de Oliveira Silva
Dr. Newton Ramos de Oliveira
Dra. Nilce Maria Altenfelder Silva de Arruda Campos
Dr. Renato Bueno Franco
Dra. Rita Amelia Teixeira Vilela
Dr. Robson Loureiro
Estudantes:
Dilson Passos Júnior
Fabio Camilo Biscalchin
Felipe Leonardo Mazin dos Santos
Helena de Fátima Bernardes Millani
Ivone de Oliveira Tavernard
Jesus Tavernard Júnior
José Antonio Colletti dos Santos
Juan Covarrubias Cárdenas
Juliana Baiochi
Nívea Maria Silva Menezes
Ocelo Domingos Pereira Filho
Renato Bellotti Sinicato
Rodrigo Ferreira Telles
Rogério Oliveira  Moraes
Soraia Maria dos Santos Pereira

Teoria Crítica, Literatura, Cultura

Teoria Crítica e interpretação da literatura e da cultura (UNICAMP).

Objetivo:
Grupo interdisciplinar que objetiva a análise de problemas da literatura e cultura contemporâneas na herança da primeira geração da Escola de Frankfurt. Sua intenção principal é investigar as transformações promovidas pelo desenvolvimento do capitalismono âmbito das produções simbólicas, com ênfase para a literatura e para a teoria literária.

Palavras-chave:
Cultura; Esccola de Frankfurt; Literatura; Teoria crítica.

Pesquisador:
Dr. Fábio Akcelrud Durão